sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Alívio…

 

…imagem googlada

Sentir um graaaaaaaaaaaaaande alívio não é, pelo menos hoje, escaldar os pés em salmoura… Mas sim, telefonar para o paizinho e saber que afinal a carteira com tooooooooooooooooooodos os nossos documentos ficou na mala que usámos no dia anterior! Lol!

Boa noite e bom fim-de-semana***

 

P.S. – Há dias que, anda, na minha agenda, um post (se calhar são vários num só) a fermentar, mas fica para amanhã. Ok?

P.S.2 – Ah! A minha madrecita fez hoje 48 aninhos. Hehehe!

domingo, 18 de outubro de 2009

Tolerância…

Composição: Ana Carolina e Antônio Villeroy

Como água no deserto
Procurei seu passo incerto
P’ra me aproximar
A tempo

O seu código de guerra
E a certeza que te cerca
Me fazem ficar atento

Não me importa a sua crença
Eu quero a diferença
Que me faz te olhar
De frente

P’ra falar de tolerância
E acabar com essa distância
Entre nós dois

Deixa eu te levar
Não há razão e nem motivo
P’ra explicar

Que eu te completo
E que você vai me bastar, eu sei

Tô bem certo de que você vai gostar
Você vai gostar

Como lava no oceano
Um esforço sobre-humano
P’ra recomeçar
Do zero

Se pareço ainda estranho
Se não sou do seu rebanho
E ainda assim
Te quero

É que o amor é soberano
E supera todo engano
Sem jamais perder
O elo

E é por isso que te espero
E já sinto a mesma coisa em seu olhar

Deixa eu te levar
Não há razão e nem motivo
P’ra explicar

Que eu te completo
E que você vai me bastar, eu sei

Tô bem certo de que você vai gostar
Você vai gostar


Hoje vou adormecer a ouvir esta… Porquê?! Sei lá. Apetece-me.
Boa noite!

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Desabafo…

Portugal Ora aí está uma nação, que embora tenha lá os seus defeitos, é uma nação cheia de razões para nos enchermos de orgulho.

Tentando descrevê-la em poucas palavras… talvez através algo tão simples como um acróstico…

Poetas, como Camões, Pessoa ou Torga (para aqueles

menos informados: o que perdeu o olho, o que era psiconeurasténico – acho que assim não ajudo, enfim o que assinava vários nomes – e o que escreveu sobre os bichos, respectivamente… )

Oncologista de renome, cuja família, os Lobo

Antunes, é formada por diversas figuras que se destacam pelas mais diversificadas razões…

Retratistas, como Medina, que pintou os rostos de

humildes desconhecidos e de outros tantos conhecidos com a maior mestria.

Teatro… cheio de “monstros” de palco, como João

Perry, Ruy de Carvalho, Ribeirinho, Raúl Solnado, Laura Alves ou Eunice Munoz, entre outros tantos…

Utopia com a qual criámos o tão nosso e afamado

estilo Manuelino… Arte, já terão ouvido falar…

Gastronomia… Boa. Especial. Inventada e reinvitada

por um povo que nunca baixou os braços às dificuldades e que tantas e tantas vezes fez omoletes sem ovos… Abençoada açorda (ou migas, conforme a região..) feita de pão, alho, azeite e coentros…

Amor pelo próximo. Respeito pela diversidade

cultural e…

Língua, a qual partilhamos, mas que usamos de

maneiras diferentes. pois eu, senhora actriz, utilizo-a para enaltecer os meus. E os seus, que, com grande criatividade fizeram nascer o Chorinho e a Bossa-Nova… entre tantas outras coisas que admiro.

Enfim… Por mais voltas que dê à cabeça não consigo entender. Vá-se lá saber porquê! Afinal não somos, apenas, um país de padarias dos Senhores Manéis e Marias de bigode…

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Tô saindo...

Supostamente, há 5 dias que Saturno iniciou a sua entrada na minha casa de balança e traz com ele boas mudanças... Vamos a ver...

Pelo menos, redescobri a música, como há muito não fazia... P'ra "comemeorar", uma música bem bacana da Ana Carolina, Tô Saindo.

Espero que gostem!

video
Beijocas***